DSpace

RI UFBA >
Instituto de Geociências >
Trabalhos de Conclusão de Curso – TCC (OCEANOGRAFIA) >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufba.br/ri/handle/ri/27780

Title: Atualização do diagnóstico de áreas recifais relevantes para a conservação da biodiversidade na Baía de Todos os Santos, Bahia
Authors: Fontoura, Mariana Humia
???metadata.dc.contributor.advisor???: Kikuchi, Ruy Kenji Papa de
Keywords: Recifes de corais;Baía de Todos os Santos;Áreas prioritárias;Conservação da biodiversidade
Issue Date: 23-Oct-2018
Abstract: Os recifes de corais podem fornecer importantes bens e serviços ecossistêmicos, sendo um ambiente marinho de alta produtividade biológica e biodiversidade. No entanto, com o aumento da população global, as pressões humanas sobre esses ecossistemas têm aumentado, levando ao declínio de algumas espécies que exercem papéis funcionais críticos, como espécies de corais. Na Baía de Todos os Santos (BTS), mudanças significativas na comunidade de corais foram relatadas, o que pode trazer impactos para a biodiversidade local e afetar a resiliência deste ambiente. Em face do acelerado processo de degradação da BTS, torna-se urgente a elaboração de medidas efetivas de manejo aos ecossistemas coralinos, como a delimitação de áreas de exclusão de uso. Contudo, é inviável a exclusão de uso em todos os recifes, tendo em vista a sua utilização por diversas comunidades tradicionais. Dessa forma, o objetivo desse trabalho foi identificar áreas prioritárias de conservação da biodiversidade para os recifes de corais da BTS. Foram levantados dados de cobertura bentônica, corais e peixes a partir da aplicação de um protocolo de monitoramento (AGRRA) a fim de avaliar o estado de conservação de dez áreas recifais internas e externas da baía. Posteriormente, foram utilizados três critérios ecológicos (integridade ambiental, riqueza de espécies de corais e bioconstrução) para identificar as áreas detentoras de atributos ecológicos importantes para manutenção da biodiversidade. Com base nesses critérios, duas áreas recifais foram indicadas para conservação. A conservação dessas áreas pode levar a uma melhora nas condições de vitalidade dos recifes adjacentes e estoques pesqueiros, através do transbordamento de larvas e juvenis, garantindo o recrutamento e a manutenção das suas comunidades. Contudo, a conservação por si só não garante a sua integridade, visto que muitas mudanças são observadas devido a alterações na qualidade da água e práticas insustentáveis de pesca. Portanto, é essencial o estabelecimento de medidas de manejo em face a continuidade das ameaças e ao surgimento de novas.
Coral reefs are able to supply important ecosystem goods and services, being a marine environment of high biological productivity and biodiversity. However, as the world’s population rises, its pressure to these ecosystems increases, leading to a decrease of some species that have critical roles, such as the coral species. At Todos os Santos Bay (TSB), significant changes in the coral community have been reported, which can influence local biodiversity and affect the environment’s resilience. TSB’s accelerated degradation process urges the development of effective measures for handling reef ecosystems, as the delimitation of no take areas. Yet, the delimitation of no take areas in all reefs is infeasible, once several traditional communities use it. Thus, the objective of this work was to identify priority areas for conservation of biodiversity on TSB’s coral reefs. Data of benthic cover, corals and fishes were collected by applying a monitoring protocol (AGRRA) in order to evaluate the conservation status of ten TSB internal and external reef areas. Afterwards, three ecological criteria (environmental integrity, coral species richness and bioconstruction) were used in order to identify areas that have important attributes for biodiversity maintenance. Based on these criteria, two reef areas were indicated for conservation purposes. These areas’ conservation can lead to better vitality conditions of nearby reefs and fish stock through the spillover of larvae and juvenile, which guarantee the recruitment and maintenance of their communities. However, reef conservation itself is not enough to guarantee its integrity, as several changes are observed due to alterations in water quality and unsustainable fishing practices. Therefore, the establishment of handling measures is essential in light of the continuity of old threats and appearance of new ones.
URI: http://repositorio.ufba.br/ri/handle/ri/27780
Appears in Collections:Trabalhos de Conclusão de Curso – TCC (OCEANOGRAFIA)

Files in This Item:

File Description SizeFormat
Monografia_Mariana_Fontoura.pdf2.43 MBAdobe PDFView/Open
View Statistics

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

    Universidade Federal da Bahia

Contate-nos. Saiba mais sobre o RI/UFBA