DSpace

RI UFBA >
Escola de Administração >
Núcleo de Pós-Graduação em Administração (NPGA) >
Teses de Doutorado (NPGA) >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufba.br/ri/handle/ri/24049

Title: Capital social e humano e a produção científica: um estudo sobre redes sociais de conhecimento em uma universidade pública brasileira
Authors: Freitas, Elizabeth Jorge da Silva Monteiro de
???metadata.dc.contributor.advisor???: Quintella, Rogério Hermida
???metadata.dc.contributor.advisor-co???: Kirschbaum, Charles
Keywords: Conhecimento científico;Análise de redes sociais;Capital social;Capital humano;Produção científica
Issue Date: 18-Aug-2017
Abstract: Este estudo parte do pressuposto de que a diferença no resultado alcançado pelos programas de pós-graduação na avaliação da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES) é influenciada pelo comportamento das redes de colaboração científica dos seus pesquisadores. Supõe-se também que o desempenho dessas redes, aqui mensurado por sua produção científica, é resultado da socialização do conhecimento (capital social) e das características individuais dos seus pesquisadores (capital humano).Reconhecendo que, no campo científico, existe uma relação muito próxima entre resultados, desempenho das redes, capital social e capital humano, buscou-se entender, à luz de conceitos relacionados à Análise de Redes Sociais (ARS) e por meio de modelos econométricos, em que medida o capital social, em suas dimensões – individual e grupal - explica o desempenho das redes de colaboração científica dos programas de pósgraduação. Para tanto, foram escolhidos dois programas – Química e Física – da Universidade Federal da Bahia (UFBA), que apresentam afinidades epistemológicas – embora tenham alcançado diferentes resultados, nas últimas quatro avaliações CAPES.Para a formação das redes, foram coletados, na Web of Science, 898 artigos publicados pelos 63 pesquisadores dos programas que foram avaliados pela CAPES, no período de 1998 a 2009. Para o capital social e humano, foram escolhidos 08 indicadores. Diante das evidências obtidas e de modo abrangente, concluiu-se que é possível indicar a existência de uma relação positiva entre o capital social e o desempenho das redes de colaboração científica de pesquisadores, aqui mensurado por meio do indicador de produção científica,e que há indícios de que o melhor resultado alcançado pelo Programa de Química na avaliação CAPES está relacionado ao comportamento das suas redes de colaboração – nas quais se percebeu uma tendência à formação de capital social em grupo, com forte influência do comportamento individual de seus pesquisadores.
This study assumes that the results achieved by graduate programs in evaluating the Coordination of Improvement of Higher Education Personnel (CAPES) are influenced by scientific collaboration networks formed by its researchers. It is also assumed that the performance of these networks, as measured by scientific production, results of the socialization of knowledge (social capital) and the individual characteristics of its researchers (human capital). Recognizing that, in the scientific field, there is a close relationship between results, networks performances, social capital and human capital, this work sought to understand – in the light of concepts related to Social Network Analysis (SNA) and through econometric models – the extent to which social capital (individual and in group) explain the performance of scientific collaboration networks in graduate programs. Therefore, we chose two programs with epistemological affinities - Chemistry and Physics, both from Federal University of Bahia (UFBA) – that have achieved different results in the last four assessments of CAPES. In the composition of the networks studied,we collected 898 articles in Web of Science, published by researchers from 69 programs evaluated by CAPES in the period 1998-2009. For social and human capital, 29 indicators were chosen. Given the evidence obtained, it was concluded that it is possible to indicate the existence of a positive relationship between social capital and performance of scientific collaboration networks of researchers, measured by scientific output indexes. It was recognized indications that the best result achieved by Chemistry Program at CAPES is related to the behavior of their networks of collaboration, in which has been noticed a tendency to form social capital in-group.
URI: http://repositorio.ufba.br/ri/handle/ri/24049
Appears in Collections:Teses de Doutorado (NPGA)

Files in This Item:

File Description SizeFormat
Elizabeth Jorge.pdf9.01 MBAdobe PDFView/Open
View Statistics

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

    Universidade Federal da Bahia

Contate-nos. Saiba mais sobre o RI/UFBA