DSpace

RI UFBA >
Instituto de Ciências da Saúde - ICS >
Programa de Pós-Graduação em Processos Interativos dos Órgãos e Sistemas (PPGORGSISTEM) >
Teses de Doutorado (PPGORGSISTEM) >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufba.br/ri/handle/ri/22549

Title: Polimorfismo genético de citocinas e ensaio de liberação de interferon-gama-igra de profissionais da saúde com histórico de teste cutâneo tuberculínico de repetição negativo
Authors: Casela, Marilda
???metadata.dc.contributor.advisor???: Freire, Songeli Menezes
???metadata.dc.contributor.advisor-co???: Bendicho, Maria Teresita Del Niño Jesus Fernandez
Keywords: Profissionais da Saúde TCT;Polimorfismo de citocinas IFN-γ.;IGRA -QFT®.
Issue Date: 19-May-2017
Abstract: Introdução: A avaliação de risco para tuberculose (TB) em profissionais da saúde baseia-se no número de indivíduos doentes atendidos nas instituições, na evidência de sua transmissão entre pessoas dentro das instituições, ou cálculo de taxas de conversão do teste cutâneo tuberculínico (TCT). Sugere-se que os resultados negativos para este teste sejam repetidos periodicamente, de acordo com o risco que a instituição apresente e, ou, após exposições ocupacionais. O fato de apenas 10% das pessoas infectadas com Mγcobacterium tuberculosis desenvolverem a doença clínica sugere que diversos mecanismos podem desempenhar um papel importante na imunopatogênese da doença. Estudos genéticos estão sendo desenvolvidos com o objetivo de identificar possíveis marcadores de predisposição ou proteção ao desenvolvimento desta doença e sugerem que o desequilíbrio na produção de citocinas pró e anti-inflamatórias tem um importante papel na TB. Objetivo: Avaliar a liberação de interferon gama (IFN-γ) e o polimorfismo de citocinas nos PS com TCT de repetição, negativo e positivo, que trabalham em uma unidade de referência secundária e terciária em TB. Métodos: A população do estudo foi constituída por 48 profissionais TCT de repetição negativo, com resultado < 5 mm e 45 TCT positivo > 10 mm. O DNA genômico foi extraído a partir de sangue total, utilizando o kit de extração de DNA mini spin Kasvi. Foi realizada a genotipagem das citocinas (IL6, IL10, TNF, IFN-γ, TGFB1) e a associação entre o polimorfismo +874T/A do geneIFN- γ ,o resultado do ensaio de liberação de interferon gama IGRA (QFT®) e o TCT. Resultados: Não foi observada diferença estatística no polimorfismo do gene IFN-γ +874 T/A e o resultado do IGRA e TCT. A concordância entre o TCT e IGRA foi feita utilizando o índice Kappa que mostrou κ=0,24. Os resultados relativos aos fenótipos previstos de alto (TT), intermediário (TA) e baixo produtor (AA) de IFN-γ, a partir do polimorfismo na posição +874T/A, em ambos os grupos mostrou que a maior frequência foi o de baixo produtor. Ao analisar o grupo TCT+ / IGRA +, os dados mostram correlação dos testes in vivo e in vitro para reatividade em 24 indivíduos. O polimorfismo desses indivíduos tem o perfil dos fenótipos previstos de baixo produtor, sendo apenas 6 de intermediário e 3 de alto produtor. Conclusão: A concordância entre o TCT e o IGRA na população estudada é mediana e não foi observada diferença no polimorfismo do gene IFN-γ+874T/A para frequência de fenótipo previsto de baixo produtor, comparando os grupos do estudo e seus respectivos IGRA. Os polimorfismos dos genes IFN γ +874T/A, TNF -308G/A, IL6 -174G/C IL10 - 1082G/A, -819C/T e -592C/A e TGFβ1 -509 C/T não parecem ser marcadores de predisposição ou proteção ao desenvolvimento da TBIL. Foi encontrada diferença estatística no gene TGF1 +869 T/C.
URI: http://repositorio.ufba.br/ri/handle/ri/22549
Appears in Collections:Teses de Doutorado (PPGORGSISTEM)

Files in This Item:

File Description SizeFormat
TESE - Marilda - 2016 F.pdf1.91 MBAdobe PDFView/Open
View Statistics

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

    Universidade Federal da Bahia

Contate-nos. Saiba mais sobre o RI/UFBA