DSpace

RI UFBA >
Faculdade de Educação >
Programa de Pós-Graduação em Educação (PPGE) >
Teses de Doutorado (PPGE) >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufba.br/ri/handle/ri/17554

Title: A extensão universitária e os entre-laços dos saberes
Authors: Santos Junior, Alcides Leão
???metadata.dc.contributor.advisor???: Pimentel, Álamo
Keywords: Extensão Universitária;Comunidade e Universidade
Issue Date: 5-May-2015
Abstract: Estuda-se a relação entre a Universidade e a sociedade via extensão universitária a partir de ações de extensão universitária de cunho acadêmico, em especial a ACC, na visão dos estudantes egressos dos cursos de Graduação da UFBA. Compreendemos que a extensão universitária é produtora de um conhecimento resultante das experiências em que os sujeitos se revezam nos papéis de autores e coautores de autonomia e interdependência, e, quando são construídas numa relação dialógica, outros conhecimentos nascem a partir do entrelaçamento de visões semelhantes ou diferentes de mundo. A proposta que ora delineia-se indica que a produção de conhecimentos oriundos das/nas práticas de extensão tem sua gênese a partir de um processo de intervenção social, que tem como ponto fundamental propiciar aos sujeitos que interagem com as comunidades o acesso a diferentes referências de leitura de mundo e das relações com este mundo, formando possivelmente um “conhecimento prudente para uma vida decente” (SANTOS, 2004c.). Objetiva-se, também, apontar os antecedentes que repercutiram para a criação da ACC, na UFBA, a fim de historicizar sua origem; compreender o entre-laço dos saberes na visão dos estudantes egressos dos cursos de Graduação da UFBA, que participaram desta ação extensionista, e indicar que a partir das ações de extensão de cunho acadêmico há os indícios de uma Pedagogia dos entre-laços de saberes. Trata-se de uma pesquisa qualitativa onde foram entrevistados quinze (15) sujeitos egressos dos cursos de graduação da UFBA e que no seu processo (in) formativo participaram de uma ACC. Para não promover um desperdício de experiências, fizemos uso da ecologia dos saberes e da tradução para criarmos, enquanto dispositivo de pesquisa, uma Ciranda Cartográfica de Saberes e Conhecimentos. Neste dispositivo fizemos uma suspensão temporal e geográfica, da escala, da projeção e das distorções encontradas no processo da pesquisa para entrelaçar memórias, saberes e conhecimentos. Conclui-se que na experiência da ACC há a construção de conhecimentos diferenciados dos predominantes nos espaços acadêmicos. Ao participarem dessas ações, os extensionistas ganham uma dimensão de dialogicidade, de inter-relacionamento e uma sólida contextualização da realidade tendo em vista que nela o diálogo entre os conhecimentos acadêmicos e culturais possibilita a democratização do conhecimento. Em suma, nas ações de ACC emerge uma Pedagogia do entre-laço de saberes que vislumbra o coabitar e a convivência entre os conhecimentos sem a necessidade do estabelecimento de fronteiras de ordem teórica, prática ou afetiva nos espaços formais, não formais e informais de educação.
URI: http://repositorio.ufba.br/ri/handle/ri/17554
ISSN: 378.103-22
Appears in Collections:Teses de Doutorado (PPGE)

Files in This Item:

File Description SizeFormat
A EXTENSÃO UNIVERSITÁRIA E OS ENTRE-LAÇOS DOS SABERES.pdfTexto Principal1.96 MBAdobe PDFView/Open
View Statistics

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

    Universidade Federal da Bahia

Contate-nos. Saiba mais sobre o RI/UFBA