DSpace

RI UFBA >
Instituto de Ciências da Saúde - ICS >
Programa de Pós-graduação em Biotecnologia (PPGBiotec) >
Dissertações de Mestrado - (PPGBiotec) >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufba.br/ri/handle/ri/16430

Title: Produção de Anticorpos Monoclonais Contra Antígenos Somáticos de Cepa Virulenta de Corynebacterium Pseudotuberculosis
Authors: Vilas Boas, Priscilla Carolinne Bagano
???metadata.dc.contributor.advisor???: Costa, Lília Ferreira de Moura
???metadata.dc.contributor.advisor-co???: Nascimento, Roberto José Meyer
Keywords: Corynebacterium pseudotuberculosis;Linfadenite caseosa;Anticorpos monoclonais;Antígeno somático hidrofóbico
Issue Date: 20-Oct-2014
Abstract: Corynebacterium pseudotuberculosis é o agente etiológico de diversas doenças crônicas infecto-contagiosas em diferentes espécies de mamíferos, sendo a linfadenite caseosa a mais importante delas, encontrada em caprinos e ovinos. Esta patologia leva à formação de granulomas nos linfonodos superficiais e internos, e em alguns órgãos como os pulmões, fígado e baço, acarretando em diversas perdas econômicas para a caprino-ovinocultura. Neste trabalho, camundongos BALB/c foram imunizados com proteínas de um antígeno somático hidrofóbico extraído de uma linhagem virulenta de C. pseudotuberculosis. Os esplenócitos obtidos foram fusionados com células mielomatosas da linhagem SP2/0 e os hibridomas produzidos através desta fusão foram submetidos a testes de ELISA para identificação dos clones produtores de anticorpos específicos para o antígeno somático hidrofóbico. Foram selecionados quatro clones, posteriormente injetados intraperitonialmente em camundongos BALB/c, para produção de líquido ascítico. Os líquidos ascíticos foram testados por western blotting, usando o antígeno somático hidrofóbico submetido à eletroforese em gel de poliacrilamida (SDS-PAGE) a 12,5 e 15%. Em SDS-PAGE a 12,5% todos os líquidos obtidos reconheceram duas bandas, com pesos moleculares estimados em 31 e 34 kDa e o clone 3-12C CL9A, também reconheceu uma banda com peso molecular de 19 kDa. Em SDS-PAGE a 15%, o clone 1-6G CL10 manteve o reconhecimento de apenas duas bandas de 31 e 34 kDa. Os demais apresentaram reconhecimento de outras bandas, além destas duas. Bandas proteicas com pesos moleculares similares aos aqui encontrados, já foram descritas na literatura em estudos realizados com soro de caprinos e ovinos infectados por C. pseudotuberculosis. Os anticorpos produzidos neste trabalho possuem potencial para utilização em imunoensaios, visando o aprofundamento de estudos sobre a relação micro-organismo hospedeiro, assim como a possibilidade de produção de um kit para o diagnóstico da infecção
URI: http://repositorio.ufba.br/ri/handle/ri/16430
Appears in Collections:Dissertações de Mestrado - (PPGBiotec)

Files in This Item:

File Description SizeFormat
Dissertação_ICS_ Priscilla Carolinne Bagano Vilas Boas.pdf1.79 MBAdobe PDFView/Open
View Statistics

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

    Universidade Federal da Bahia

Contate-nos. Saiba mais sobre o RI/UFBA