DSpace

RI UFBA >
Escola de Dança >
Programa de Pós-Graduação em Dança (PPGDANCA) >
Dissertações de Mestrado (PPGDANCA) >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufba.br/ri/handle/ri/15834

Title: Processos mnemônicos como uma potência poética de criação em dança
Authors: Santos, Patricia
???metadata.dc.contributor.advisor???: Rengel, Lenira Peral
Keywords: Criação em Dança;Corpo;Processos Mnemônicos;Memória;Experiência
Issue Date: 8-Sep-2014
Abstract: Discutir e problematizar modos de organização da memória no corpo, são ações teórico-argumentativas desta dissertação. Ao direcionar-se ao aprendizado e à manutenção dessas informações para a dança, pesquisa o papel desse acontecer, bem como, investiga seus meios de provisão e suas interferências nos processos de criação. Uma proposição é que as informações mnemônicas operam como potenciais latentes para a criação em dança, a partir das experiências do mundo vivido, onde propicia a construção de novos lugares e possibilidades de pesquisa em dança. A percepção da importância da experiência construída pela ação, remete à busca de um entendimento sobre a memória e dos processos que recebem essa denominação, junto à compreensão de como ela ocorre no corpo quando se dança, na forma de dança improvisada ou em repertório fixo. A pesquisa foi realizada numa abordagem metodológica qualitativa descritiva exploratória, em que modos de dança foram investigados com a temática da memória, com pesquisas fundamentadas em referencial seminal das Ciências Cognitivas. A pesquisa de campo foi realizada por meio da observação participante junto aos alunos do Curso Técnico em Dança, em Feira de Santana - BA. Buscou-se demonstrar a importância das experiências vividas que são codificadas, selecionadas e armazenadas pelos processamentos oriundos da memória, como construtora de vocabulário de movimento, reportado à dança e enfatizado nos processos mnemônicos e sua utilização como uma potência poética na criação em dança. A escrita se desenvolve a partir da apresentação dos aspectos neuroanátomofisiológicos da memória, concernentes à sua formação, especificação e aos seus níveis de funcionamento no corpo, foi seguida por um entrelaçamento entre os processos mnemônicos e tipos de memória, com as ocorrências em dança, provocando uma visibilidade de seus acontecimentos, com o desenvolvimento de proposituras de vivências, elaboradas segundo os pressupostos desta pesquisa, em que buscou-se evidenciar a viabilidade da hipótese, a partir da argumentação que, ao se tratar da criação artística, é necessário ampliar o campo perceptivo para que se possa transitar na abertura de novos caminhos e ressignificar hábitos de proceder. Ao termos a dança e o corpo como modos de armazenamento do conhecimento do movimento é possível estabelecer diferentes conexões nos jeitos de dançar em consonância com as emergências possíveis.
URI: http://repositorio.ufba.br/ri/handle/ri/15834
Appears in Collections:Dissertações de Mestrado (PPGDANCA)

Files in This Item:

File Description SizeFormat
Dissertaçao Patricia Eduardo.pdf5.99 MBAdobe PDFView/Open
View Statistics

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

    Universidade Federal da Bahia

Contate-nos. Saiba mais sobre o RI/UFBA