DSpace

RI UFBA >
Escola de Enfermagem >
Programa de Pós-Graduação em Enfermagem (PPGENF) >
Dissertações de Mestrado (PPGENF) >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufba.br/ri/handle/ri/13972

Title: Ritual do cuidado de enfermagem à pessoa idosa no perioperatório de cirurgia mutiladora
Authors: Silva, Eduardo Nunes da
???metadata.dc.contributor.advisor???: Menezes, Maria do Rosário de
Keywords: Procedimentos Cirúrgicos Operatórios;Idoso;Cuidados de Enfermagem
Issue Date: 27-Nov-2013
Abstract: O envelhecimento populacional possibilitou, além da longevidade da população, a mudança no perfil epidemiológico caracterizado pela diminuição das doenças infectoparasitárias e aumento das doenças não-transmissíveis, elevando o número de hospitalizações e, mais recentemente, de procedimentos cirúrgicos, a exemplo das cirurgias mutiladoras, resultantes da prevalência de doenças vasculares periféricas na população idosa. Tais transformações passaram a exigir maior atenção e cuidado dos profissionais de saúde, sobretudo dos enfermeiros. A forma como os enfermeiros expressam o cuidado prestado aos idosos no perioperatório de cirurgia mutiladora reflete a prática de um ritual, visto que o método de trabalho desses profissionais se estabelece a partir do conjunto de ações padronizadas, com começo, meio e fim, na presença de alguns elementos simbólicos, como o jaleco branco, estetoscópio entre outros instrumentos. O estudo tem como objetivo analisar o ritual do cuidado do enfermeiro à pessoa idosa no perioperatório de cirurgia mutiladora. Trata-se de uma pesquisa exploratória, de natureza qualitativa, guiada pelo método da história oral temática e respaldada na Teoria da Diversidade e da Universalidade do Cuidado Cultural de Madeleine Leininger. O estudo foi realizado no município de Feira de Santana-Bahia, sendo o lócus da pesquisa: as unidades de Pronto Atendimento Masculino e Pronto Atendimento Feminino, a Clínica Cirúrgica e o Centro Cirúrgico de um hospital público do Estado da Bahia. A amostra dos colaboradores do estudo foi constituída por 11 enfermeiros. Para a coleta de dados utilizou-se a técnica de entrevista semi-estruturada, sendo analisados a partir da análise temática. Na realização da pesquisa foram obedecidos os preceitos éticos estabelecidos pela Resolução 196/96 do Conselho Nacional de Saúde. Da pesquisa emergiram duas grandes categorias analíticas: ritual do cuidado do enfermeiro à pessoa idosa no perioperatório de cirurgia mutiladora e; percepção do enfermeiro sobre o impacto da cirurgia mutiladora para a pessoa idosa. O ritual do cuidado do enfermeiro à pessoa idosa submetida à cirurgia mutiladora evidenciado neste estudo confronta-se com a proposta da Teoria da Diversidade e da Universalidade do Cuidado Cultural, portanto da enfermagem transcultural, visto que o cuidado gerontogeriátrico culturalmente congruente não é desenvolvido pelos enfermeiros e as diferentes culturas das pessoas envolvidas no processo não são contempladas e/ou reconhecidas. O estudo revelou como de suma importância para toda pessoa idosa submetida a um processo cirúrgico de mutilação a realização da Sistematização de Enfermagem Perioperatória. A pesquisa mostrou ainda que em alguns momentos do ritual, a pessoa idosa experiencia situações de desrespeito da sua autonomia, cidadania, dignidade e individualidade, passando também por tratamento desumano e constrangedor que se afastam nitidamente de princípios e diretrizes presentes em diversos dispositivos legais.
URI: http://repositorio.ufba.br/ri/handle/ri/13972
Appears in Collections:Dissertações de Mestrado (PPGENF)

Files in This Item:

File Description SizeFormat
Dissertação_enf_ Eduardo Nunes da Silva.pdf2.92 MBAdobe PDFView/Open
View Statistics

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

    Universidade Federal da Bahia

Contate-nos. Saiba mais sobre o RI/UFBA